em Blog
img_blog39

Empresários, missionários ou ambos?

Curso on-line capacita empreendedores cristãos para serem um sinal do Reino de Deus por meio dos negócios

Há diversas formas (não excludentes) de testemunhar do Senhor Jesus e de todo seu ensinamento em todos os povos da terra e em todas as esferas da sociedade. Os que têm o talento de empreender (dom de Deus!) podem atuar com Business as Mission (BAM) [Negócios como Missão], também conhecido como Kingdom Business [Negócios do Reino].

Não está tão familiarizado com esses conceitos ou expressões? Você pode ler aqui um artigo bem completo a respeito, bem como realizar o curso Kingdom Business on-line, idealizado por Paulo Humaitá, cristão que atua na Bluefields Aceleradora, empresa que investe em startups. “Quando o movimento BAM tomou corpo há cerca de uma década, parece que a ideia de muitos foi capacitar missionários a empreender, o que pode ser complicado. O inverso dá mais certo. Cristãos empreendedores podem, na verdade deveriam, abrir negócios com o objetivo (missão) de serem um sinal do Reino de Deus. Como? Bom, isso é o que a gente ensina no curso”, diz Humaitá. “Imagine se todos os empreendedores que têm Jesus como Senhor abrirem empresas que, além de gerarem lucro, são intencionais em termos de impacto social e espiritual”, completa. Obviamente, há quem já esteja em um ministério transcultural e tenha o perfil. A própria Junta de Missões Mundiais (JMM) indicou três de seus missionários (um deles atua em Gâmbia, outro em Guiné Bissau e o terceiro, na Jordânia) para realizar o curso sobre Negócios do Reino. Os três abriram empresas na área de agronegócios nos países mencionados.

É possível realizar algumas aulas gratuitas antes de se inscrever no Kingdom Business on-line, que conta com 64 aulas distribuídas em três blocos: Liderança, Cultura/Gestão e Impacto. Além disso, o programa inclui a elaboração, valendo-se de ferramenta específica, de um plano de Negócio do Reino de acordo com as diretrizes de cada sessão.

Os que desejam atuar na Missão de Deus por meio dos negócios podem também encontrar na Bluefields Aceleradora consultoria personalizada e conexões com fundos, investidores e todo um ecossistema de BAM em nível nacional e mundial. Há ainda instituições, dentre as quais a Open Brasil, especializadas em apoiar negócios especificamente entre povos que ainda não foram alcançados pelo evangelho.

Empresários ou missionários? Ambos!

Quer saber mais?
Leia este artigo de Paulo Humaitá: As agências missionárias do futuro.

Comments

Postagens Recomendadas
0