em Blog
img_blog13

Europa: estudantes cristãos unem-se em prol de reavivamento

“Venha, Espírito Santo, venha”, eles oram

Diante da onda de secularização que tomou conta da Europa, especialmente dos jovens, nas últimas décadas, organizações que atuam com estudantes como IFES (International Fellowship of Evangelical Students), Cru, Navigators e Students for Christ uniram-se e chamaram outras organizações cristãs com a visão comum de perseguir um mover de Deus nesta geração naquele continente. O esforço chama-se Revive Europe (Reavive Europa).

A brasileira Sarah Breuel, que mora em Roma, na Itália, coordenadora de treinamento evangelístico para a IFES Europa, é a Diretora do Revive Europe. Ela é uma dos que têm cooperado com a Missão de Deus ali. “Estudantes europeus, em fevereiro de 2019, iniciaram uma jornada de oração por 40 semanas”, ela conta. Toda segunda-feira, um país europeu é destacado em um vídeo de 1 minuto feito por estudantes do país. Além de informações básicas sobre a nação, os jovens dizem aos cristãos de todo o mundo de que forma podemos orar por seu país. “Às vezes, sentimos que somos tão pequenos”, declarou um jovem da Lituânia, cujos cristãos evangélicos representam 1,4% de toda a população. “É um sentimento comum para muitos cristãos na Europa visto que em mais de 20 países (dos 50 reconhecidos pela ONU no continente) os cristãos evangélicos são menos de 1%”, diz Sarah.

Relatório recente chamado “Europe’s Young Adults and Religion” – elaborado pelo professor de Teologia e Sociologia da Religião (St Mary’s University, em Londres) Stephen Bullivant com base nos dados divulgado na Pesquisa Social Europeia 2014-2016 – traz as seguintes informações a respeito dos jovens de 16 a 29 anos:

  • Maioria dos jovens adultos em 12 países afirma não ter nenhuma filiação religiosa. Na República Tcheca, esse grupo ultrapassa 90%; no Reino Unido, são 70%.
  • Boa parte nunca participou de uma celebração religiosa (exceto em festividades). Em países como Hungria, França, Bélgica, Espanha e Holanda, por exemplo, esse percentual ultrapassa 50%.
  • Muitos nunca oraram.

Como a Igreja brasileira poderia contribuir para mudar essa realidade visto que devemos ser testemunhas do Senhor Jesus e de todo seu ensinamento em todos os povos da terra e em todas as esferas da sociedade?

A jornada de 40 semanas do Revive Europe culminará com um encontro de estudantes cristãos europeus dos dias 27 de dezembro a 1º de janeiro. São esperados 5 mil jovens em Karlsruhe, na Alemanha.

Universidade como campo missionário

A estratégia de levar o testemunho de Cristo por meio de estudantes às universidades não é nova, mas continua sendo efetiva e atual em todo o mundo. No Brasil, a Aliança Bíblica Universitária (ABUB) apoia grupos em diversas faculdades em todo o País. Katsue Takeda, em entrevista para o Martureo em junho deste ano, desafiou o jovem cristão: “Considere estudar fora do País, em um lugar em que você possa ser uma testemunha estratégica de Jesus”.

Quer saber mais sobre Missão ou Missões?

Assista à série de 8 breves vídeos de Marcos Amado “Realidades que afetam a Missão no Século XXI”.

Comments

Postagens Recomendadas
0